DZ Estúdio

menu

trabalhos

Pela Janela

Ainá

Projetar um futuro melhor para as mulheres é um trabalho coletivo.

A Ainá surgiu em 2019 como uma plataforma focada em enfrentar um problema específico de segurança pública: a violência contra mulheres. Em 2020, logo no início da quarentena, o número de ocorrências de violência doméstica apresentou uma curva acentuada. Nesse contexto, o coletivo Ainá viu a necessidade de engajar a sociedade na discussão e solução do problema. Era preciso agir.

Em julho, o Brasil entrava no terceiro mês de quarentena. Entre tantos novos comportamentos que foram observados, as manifestações nas janelas se tornavam uma marca de uma vida social com muitas restrições - em que a vida digital já não dava conta da necessidade de interação das pessoas.

Foi assim que surgiu o insight para a ação Pela Janela, criada pela DZ, de forma voluntária. Para tornar a ação possível, o perfil do Instagram da Ainá convocou voluntárias e voluntários que tivessem projetores em casa para participar de uma projeção coletiva.

E, na semana entre os dias 12 e 18 de julho, essas pessoas receberam imagens com uma mensagem poderosa para espalhar pela cidade, através da sua janela.

Case Banner


As artes foram projetadas em prédios de algumas das principais cidades do país, como Fortaleza, Porto Alegre, São Paulo e Rio de Janeiro.

Case Banner
Case Banner

A mensagem da ação não se espalhou somente pelas paredes dos prédios e muros das cidades. A repercussão nas redes sociais foi imediata e ajudou a levantar um assunto de grande importância.

O post divulgando a ação no Instagram da Ainá apresentou o maior alcance em 3 meses - tudo de forma orgânica. Além disso, foram observados dezenas de posts e stories com fotografias e vídeos das projeções feitos por usuários.

O perfil Projetemos, com quase 30 mil seguidores no Instagram e voltado para iniciativas do tipo, divulgou e explicou a ação com posts no feed. Já a TVT, um veículo de comunicação educativo e que tem o compromisso com a democracia e justiça social, divulgou a iniciativa através de uma reportagem postada no seu canal do YouTube. O perfil de Twitter do Matinal Jornalismo também publicou conteúdo sobre a ação. O número de downloads dos materiais no site cresceu 275%, se comparados com o mesmo período do mês anterior.

Além de render uma super repercussão com este projeto, a parceria entre DZ e Ainá também se transformou em diversos outros projetos, com o objetivo de melhorar a comunicação do coletivo com o público.

Aumento das sessões no site da Ainá

0 aumento das sessões no site
0 crescimento de downloads

Crescimento no número de downloads dos materiais disponíveis no site, comparado ao mês anterior

voltar para trabalhos

Assine nossa News

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!